• Redator Ibx

Teoria das restrições: como e por que fazer?

Atualizado: Jan 27

A Teoria das Restrições (TOC - Theory of Constraints) é uma ferramenta de gestão usada para diagnosticar as limitações das empresas. O seu propósito é identificar os gargalos dos processos para que deixem de ser uma restrição. Para isso, é necessário elaborar ações estratégicas que resultem no aumento da produtividade e na minimização dos desperdícios do seu empreendimento.




O que é restrição?


Para aprofundar o entendimento da Teoria das Restrições é necessário que o conceito de restrição esteja claro.


Restrição é tudo aquilo que impede o sistema de atingir seu objetivo. Ela se evidencia quando a produção não tem um desempenho que está de acordo com sua capacidade . Se isso ocorrer, a empresa deve focar em descobrir qual é a limitação e seguir os passos que serão citados nesse artigo.


A restrição pode ser:


  • Física: falhas em equipamentos ou em materiais e falta de pessoas ou de espaço;

  • Política: normas de trabalho, podem ser formais ou informais;

  • Paradigma: hábitos e crenças enraizados na empresa;

  • Mercado: a produção não é alinhada com a demanda do mercado, vende mais do que produz e vice-versa.


Como aplicar a Teoria das Restrições em sua empresa?


A TOC foi introduzida por Eliyahu M. Goldratt em seu Livro “A Meta” de 1984. Tal teoria tem como princípio auxiliar a sanar os gargalos presentes das empresas, respondendo as seguintes perguntas: O que mudar? Para o que mudar? Como realizar a mudança?

Com o objetivo de gerir a performance do sistema, a restrição deve ser identificada e administrada corretamente seguindo os cinco passos listados abaixo:


  1. Identificar as restrições: Por meio de uma análise profunda dos processos, diagnosticar a limitação que impede o rendimento adequado das atividades.

  2. Explorar a restrição: Tentar utilizar a capacidade produtiva máxima dos processos com gargalos, para diminuir o prejuízo na operação.

  3. Subordinar os demais recursos: Sequenciar todas as atividades a partir da limitação para que todo o sistema siga o mesmo ritmo. Por exemplo: se uma máquina opera de forma mais lenta, as demais devem seguir a mesma velocidade para não ter uma quebra no processo.

  4. Elevar a capacidade das restrições: Como os gargalos ditam o ritmo da produção, é importante determinar estratégias para aumentar a produtividade dos fluxos com restrições e, consequentemente, de todo o sistema. Assim, espera-se que os gargalos deixem de existir no processo.

  5. Quando o recurso restritivo mudar, retorne ao passo 1: Ao resolver o problema da restrição, ela deixa de ser um gargalo. Com isso, outras limitações devem ser identificadas e o processo reinicia.


Por que utilizar essa teoria?


O diagnóstico das limitações visa identificar possíveis gargalos que comprometem o desempenho do sistema com o princípio de melhoria contínua. Realizar esse processo faz com que você possa planejar soluções para a sua empresa a partir de situações que realmente estão atrapalhando o negócio, sem perder tempo com quesitos de pouca relevância.


Com as restrições do seu empreendimento identificadas, você possui melhor entendimento dos processos da sua empresa e, a partir disso, você terá o direcionamento necessário para elaborar ações estratégicas a fim de a minimizar os problemas, - busca de melhorias em relação ao estoque, aos maquinários e aos sistemas, por exemplo.


Após dissolver as restrições indesejadas, uma série de benefícios surgem. O aumento da produtividade é um dos principais, visto que o desperdício de tempo, de processos e de produtos são evitados, já que o foco dessa teoria é o máximo aproveitamento das operações.


Conclusão


Portanto, podemos perceber que a Teoria das Restrições é imprescindível para os negócios, capaz de aumentar a produtividade e diminuir os gargalos. Tem como resultado a otimização dos processos e, consequentemente, a melhora do rendimento do seu sistema.


Após ler esse artigo e ter o esclarecimento sobre a TOC, fica nítido a importância da sua implementação. Então o que você está esperando para aplicá-la em sua empresa?


Laura Cotta

Consultora de Marketing

Ibmex - Consultoria Empresarial Jr

Contato:

Tel: (31) 4101-1121 &

(31) 98484-1703

comercial@ibmex.com.br

Endereço:

Av. Carandaí, 863, 2º andar - Bairro Funcionários, Belo Horizonte, MG 30130-060

Redes Sociais:

  • LinkedIn - círculo cinza
  • Facebook - círculo cinza
  • Instagram - Cinza Círculo